quarta-feira, 6 de maio de 2009

Turminha do Tempo

Pessoal, eu tô feliz pra caramba. Esse post é grande mas tenho certeza que vocês irão amar. Eu conheci a Sol e o Rodrigo através da AUG e me surpreendi com a enorme coração lindo que eles tem...bem, eu vou deixar eles contarem essa história deliciosa:


Esses são nossos amores. Depois de um dia cansativo, de agüentar pessoas chatas, são eles que nos dão alegria! Você consegue imaginar o que é abrir a porta e encontrar 13 cabecinhas te olhando, pedindo carinho? E tão gratificante!
Só quem tem companheiros como eles sabem do que estamos falando. São extremamente carinhosos e nos fazem sorrir sempre!
Não achamos que um dia teríamos 13 gatos. Mas aconteceu...e não nos arrependemos. É nossa família e estamos sempre pensando no conforto, saúde e bem estar deles. É o mínimo que podemos fazer, afinal a alegria que eles nos proporcionam não tem preço!
Abaixo um resumo contando a chegada e uma foto atual.
Tudo começou em um domingão. Era dia 25/03/2007 quando nosso primeiro pretinho chegou. Só tinha rabo e orelha, mas era a coisa mais carinhosa do mundo. Recebeu o nome de Neve.




Um mês depois veio o Vento. Era um gato com depressão com um histórico bem triste e que ficava, antes de adotá-lo, na mesma gaiola que o Neve.



Como o Vento não brincava, o Neve começou a ficar triste, foi então que veio a Tempestade. Uma mistura de persa (que só soubemos depois de adotá-la), com seus olhos cor de cobre e pêlo bem preto. Era até então a única menininha da turma.
Aí conhecemos a ONG AUG-Adote um gatinho, e adotei a Chuva. Gata ligada no 220, muito carinhosa e falante. A queridinha do papai...hehehe

Depois de uma visita na casa de uma das fundadoras da ONG, reservamos um novo pretinho sapeca e colocamos o nome de Granizo. Ele chegou na Páscoa e como diz a música: “Coelhinho da Páscoa o que traz pra mim? Um ovo, dois ovos, três ovos pra mim!”

E aí em vez de um, vieram três ovos, quer dizer, três gatos! Hehehe. Pegamos, além do Granizo, os irmãozinhos Neblina e Frio. Era tanta bolinha de pelo preto correndo pela casa, que tínhamos medo de pisar neles. A creche estava aberta!
Em um tarde de sábado, resolvemos conhecer o consultório da veterinária que cuida dos gatos da ONG. Saímos de lá com a Bruma, gatinha criada na mamadeira pela Dra. Angélica e El Niño, gatinho velho, com os dentes podres, com olhar doce.
Aí ficamos sabendo de uma senhora que queria doar seus gatos de raça já fazia um tempo, e que estavam tendo acesso à rua. Levamos para casa o Trovão, um bengal com toda característica da raça (quem tem um sabe do que estou falando...hehe).


Em um resgate, acabamos levando mais um para casa. Foi abandonado por humanos junto com outros gatos e como estavam sendo ameaçados pelo vizinho, levamos o Avalanche para casa

Entre os gatos resgatados, estava uma idêntica ao Avalanche, e que tinha um problema no rim. Fez cirurgia, retirou um rim e acabamos descobrindo que, provavelmente era mãe do Avalanche. Quem iria querer uma gata com um rim só? Adivinha...hahaha. La Niña vive super bem e adora dar patada nos outros gatos.
Aí, em uma sexta feira 13, apareceu o Relâmpago jogado na calçado. É o preto e branco mais lindo do mundo e tem cara de sapeca. Eis o 13º gato!

Mas não acaba por aí...hehehe
No dia 25 de dezembro de 2008, encontramos um cãozinho atropelado na Rodovia dos Imigrantes. Um policial queria sacrificá-lo, mas não deixamos. Ele ficou em um hospital veterinário recebendo os primeiros cuidados e depois fez cirurgia nas duas patas. Hoje ele está em um hotel para cães, ainda com os fixadores externos nas patas, mas em breve será retirado. Graças a ajuda da ONG Adote um Gatinho e do grupo de voluntárias, conseguimos pagar a cirurgia, o hospital veterinária e o hotel. Ele é um doce, muito carinhoso e se dá bem com cães e gatos. Quem quer adotar o Jabuticaba??? Beijos
Sol e Rô

14 comentários:

disse...

tive a sorte de conhecer esse casal e os 13 peludos. fiquei boba reparando na beleza de cada um e acho que nunca vou conseguir diferenciar os pretos... hahahahahahahaa

sou fã desse casal! :)

Nana disse...

Estou aqui em lágrimas lendo a história deste casal maravilhoso (só pode ser!!) e seus filhotes... que aliás.... uma mais lindo que o outro!!
Fiquei imaginando como deve realmente ser mágico entrar em casa e ver 13 bigodes.... dá vontade de dizer..
-Me convida um dia para ir na sua casa? rs
Se eu com 3 já fico morrendo de vontade de voltar para casa imagino com 13... um dia chego lá!!
Só queria colocar minha profunda admiração pelos dois, e esperar que cada vez apareca mais gente assim!!
bjs

Ana Flávia disse...

São todos lindos!! Que invejinha.. queria ter minha casa já pra poder ajudar tanto qnto vcs!!

marisa licursi disse...

Família admirável, né?

Também adoro a Sol e o Rô :)

Parabéns pela linda família de margarina :D

Cynthia disse...

Num momento mto difícil da minha vida, qdo a nina, meu amor-gato precisava de transfusão de sangue, eu tive o previlégio de conhecer o Rodrigo, a Tempestade, o Trovão, a el niña, e a Sol por telefone. com o coração aberto, eles me disponibilizaram seus maravilhosos gatos pra doarem sangue pra minha filhota.JAMAIS vou esquecer isso! enquanto esperavamos os exames conversando sobre o abrigo, o Rodrigo plantou a semente da Milela no meu coração!
desculpe a invasão do seu blog, e um comentario tão longo, mas tenho mta gratidão por essa familia especial!
bjs
Cyn

Felina disse...

q lindos nomes,adorei a criatividade e o amor deles, parabéns!

crazy cat lady disse...

Adorei a família felina!!!Com certeza,a casa deles deve ser bem animada!
Bjs!

Milene disse...

Que história mais linda! E os gatinhos... um mais delícia que o outro!!

Andrea Sassaki disse...

Tô chorando!!! Linda a história, belíssimo o casal com o coração de pudim mais enorme que eu já li! Nice, obrigada!

james p. disse...

Querida Nice tem um selo/meme para você no meu blog.Admiro muito o seu espaço.Abraços.

Taciana Miau Guzman disse...

Se no mundo existisse mais corações cheio de bondade assim, nossos bichinhos não sofreriam até, espero que ainda chegue o dia em que os animais sejam tão respeitados e amados pelos seres humanos a ponto de cada um fazer um pouquinho para amenizar seu sofrimento, amei sua história de amor e dedicação e lógico que amei também seus felinos. Já fiz isso também e já reuni em casa 27 bolinhas de pelo maravilhosas

Tânia (Marienkäfer Laden) disse...

Adorei os nomes!!!
Bjos, Nice, um ótimo domingo para vc!

Marisa Pimenta disse...

Nice, q família linda . Esses gatinhos são uma fofura. Se pudesse tb teria mtos, mas moro em apertamento e só cabe o Mingau, mas adimiro demais quem cuida com carinho destes bichanos. Uma irmã q faleceu tinha mtos gatinos na casa dela, mas alguns eram bravos. Parabéns p esse casal q só faz o bem. BJks

Angelique disse...

Ah...Esta é a familia-gato mais criativa que já vi. Gente quantas bolinhas de pelo lindas. E os nomes então...rs... todos lindos e cheios de significado. Parabéns ao casal..Lambeijos da Nina e da Missy