segunda-feira, 15 de abril de 2013

Dia 02 - Meu encontro com a grande dama


Hoje vou falar como descobri essa escritora maravilhosa e aprendi a ser sua fã.
Sempre gostei muito de ler, mas tinha pouco conhecimento sobre livros. Algumas coisas minha irmã trazia da biblioteca pra mim e outras coisas eu garimpava no Círculo do Livro. Sim, eu fui sócia do Círculo do Livro.
Tinha muita bobagem por lá, mas consegui encontrar alguns livros bacanas. E foi assim que comprei o livro "A Disciplina do Amor".

Quando comecei a ler o livro, pensei: mas essa mulher está escrevendo sobre o que eu sinto, o que eu penso...como isso é possível?
Esse livro é meu preferido, inclusive consegui até um autógrafo da Lygia. Meu bem mais precioso, tanto que não empresto pra ninguém. 
Mas não tenho nenhum medo em oferecer de presente a pessoas que sei que conseguirão entender e absorver as palavras...
Segue abaixo um dos inúmeros trechos lindos deste livro, inclusive a própria Lygia lê este mesmo trecho em um vídeo recente do jornal Estadão. O vídeo é delicioso, inclusive porque Lygia também fala sobre o casamento gay. Uma mulher sempre à frente de tudo. Quem quiser conferir o vídeo clique aqui

"Só colhia rosas ao anoitecer porque durante o sono elas não sentiam o aço frio da tesoura. Uma noite ele sonhou que cortava as hastes de manhã, em pleno sol, as rosas despertas e gritando e sangrando na altura do corte das cabeças decepadas. Quando ele acordou, viu que estava com as mãos sujas de sangue"

Depois desse primeiro contato, fui aos poucos conhecendo o trabalho de Lygia...li um dos seus mais belos contos: "Natal na Barca" em um jornal de literatura que minha irmã recebeu na escola, participei de alguns eventos que contavam com sua presença e assim a paixão foi nascendo. A inteligência desta escritora me cativou, pois sempre procurei e procuro o conhecimento.
Pode até parecer difícil para uma fã recomendar algum livro do seu escritor predileto, mas se você quer se iniciar no universo Lyginiano, leia este livro que segundo a própria Lygia, "...é meu melhor livro"
Amanhã tem mais homenagens na semana Lygia Fagundes Telles.

Um comentário:

Ana Oliveira disse...

Adorei Nice,valeu a super dica. Beijos